Home > Carreiras > Os benefícios profissionais da técnica mindfulness
Carreiras

Os benefícios profissionais da técnica mindfulness

Concentrar-se no momento presente pode trazer uma série de benefícios no trabalho: autocontrole, menos estresse e mais criatividade

22.01.2019 - Por Bayer Jovens

Quantas vezes você já se pegou respondendo um e-mail enquanto falava ao telefone com um cliente? Ou cuidando de dois projetos ao mesmo tempo, e até dando uma rápida checada nas suas redes sociais no meio de uma reunião? Se você é do tipo que tenta fazer o máximo de coisas no menor espaço de tempo possível - e vive ansioso e agoniado por causa disso -, talvez seja hora de rever esse comportamento. E começar a praticar mindfulness.

Também chamada de atenção plena, a técnica de mindfulness nada mais é do que se concentrar no momento presente, no aqui e agora. A prática constante, que utiliza técnicas de meditação, respiração e até alguns traços do budismo, ajuda a diminuir a ansiedade e o estresse e a melhorar o foco, a produtividade, a criatividade e o autocontrole. Isso é o que garantem os especialistas. E traz benefícios tanto para a sua vida pessoal, quanto profissional.

O ideal é tirar alguns minutos do dia para treinar a atenção. Ou seja, em silêncio, concentrar-se e trabalhar a respiração, enquanto deixa a cabeça livre de pensamentos e de julgamentos (se você se distrair, volte a atenção ao que estava fazendo – a mente prega peças em todo mundo).

No dia a dia, a técnica pode ser aplicada em tarefas simples como escovar os dentes, por exemplo. Em vez de conferir o celular enquanto faz a higiene bucal, concentre-se no ato em si: no movimento da escova, na sensação quando ela toca na gengiva, no gosto e na textura da pasta de dentes, na água durante o enxague, na refrescância que fica - resumindo, no objetivo de se escovar os dentes. O exercício de atenção plena vale para todas as ações praticadas no piloto automático.

No mundo corporativo, a técnica também ganha espaço e gera benefícios para a realização de tarefas de forma mais saudável. No escritório da Bayer em São Paulo, por exemplo, o mindfulness aparece como uma das práticas já disponibilizadas aos colaboradores. Fernanda Percevallis, assistente executiva no setor de Product Supply da companhia, é uma das adeptas dos exercícios de atenção plena no ambiente de trabalho: “É uma iniciativa muito interessante que ajuda os colaboradores a saírem do piloto automático e colocarem corpo e mente na mesma sintonia. Isso ajuda na concentração e no alívio do estresse”, disse a profissional em matéria publicada no Estadão.

Andrea Kishimoto, gerente de Meio Ambiente e Segurança no Trabalho da Bayer, também se encantou com a atividade de mindfulness oferecida pela empresa: “A prática é extremamente relevante, porque traz um autoconhecimento do nosso corpo e do poder da nossa mente. Se praticarmos esses minutos diários, tenho a certeza de que saberemos lidar com os desafios do dia a dia de maneira mais equilibrada”, explicou.

Além da técnica de atenção plena, a Bayer ainda conta com outras iniciativas voltadas ao cuidado com a saúde mental. Entre elas, o Programa Conte Comigo, um benefício de assistência psicológica, financeira e jurídica para ajudar em diversas questões, com auxílio de profissionais especializados, total confidencialidade e gratuito para os colaboradores e seus dependentes. Desde julho de 2012, o projeto já atendeu 3.072, sendo 2.774 colaboradores e 298 dependentes.

Marcelo Demarzo, professor do departamento de medicina preventiva da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e coordenador do Mente Aberta, diz que, para produzir efeitos, o mindfulness precisa fazer parte do dia a dia das pessoas. "É como exercício físico: não adianta fazer uma vez e esperar mudanças", afirmou em entrevista à Folha de S.Paulo. Demarzo também ensina dois exercícios simples, que podem ser feitos regularmente. Para saber quais são, acesse esta matéria, publicada aqui em Bayer Jovens.