Home > Ciência > Novas espécies em Java
Ciência

Novas espécies em Java

Ao explorar águas profundas no oceano Índico, grupo de cientistas encontra animais marinhos exóticos e desconhecidos

07.06.2018 - Por Bayer Jovens

Novas espécies em JavaMapa da expedição que encontrou novas espécies nas profundezas do oceano Índico/Universidade Nacional de Cingapura - Divulgação

Depois de vasculhar por 14 dias as profundezas do oceano Índico e do mar de Java e coletar mais de 12 mil criaturas de 800 espécies, uma expedição realizada por pesquisadores da Universidade Nacional de Cingapura (NUS) e do Instituto Indonésio de Ciências (LIPI) trouxe à tona um saldo para lá de positivo: a descoberta de mais de uma dúzia de novas espécies de animais marinhos, entre caranguejos, aranhas do mar, camarões e lagostas.

“Essa é uma zona do oceano Índico que nunca havia sido explorada para observação de animais em águas profundas, portanto não sabíamos realmente o que iríamos encontrar”, declarou Peter Ng, especialista em caranguejos e chefe do Museu de História Natural de Lee Kong Chian, da Universidade de Cingapura, em entrevista ao site Phys.org.

Realizada entre março e abril deste ano, a South Java Deep-Sea Biodiversity Expedition 2018 examinou 63 locais de uma área de 2.200 km2 na Indonésia, que incluía um longo trecho do oceano Índico, ao largo da costa sul da ilha de Java, passando pelo estreito de Sunda, que separa a ilha de Sumatra - também na Indonésia, país formado por mais de 17 mil ilhas, nem todas habitadas.

Entre as aproximadamente 800 espécies coletadas estão mais de 200 famílias de esponjas, medusas, moluscos, estrelas do mar, ouriços, caranguejos, camarões e peixes.

Novas espécies em JavaAranhas do mar, caranguejos, camarões e lagostas estão entre as descobertas que surpreenderam os pesquisadores/South Java Deep-Sea Biodiversity Expedition 2018 - Divulgação

Entre as descobertas que surpreenderam os pesquisadores estão três novas espécies de aranhas do mar. De acordo com os cientistas, uma delas tem uma placa protetora em seus olhos, parecida com grandes orelhas. A outra é de uma cor laranja muito viva.

Dois caranguejos - um eremita com olhos verdes brilhantes e outro com espinhos difusos e olhos vermelho-sangue -, um camarão de olhos reluzentes que refletem a luz e uma lagosta com braços longos e concha com padrão de zebra também estão entre as espécies desconhecidas até então.

“Ficamos muito surpresos com as descobertas”, disse Peter Ng. De acordo com o especialista, a equipe esperava encontrar criaturas já conhecidas pelos cientistas. “A revelação de espécies novas nos diz que há mais coisas acontecendo naquela parte da Indonésia que ainda não sabemos”, comentou. A identificação imediata dos animais marinhos foi feita pelos próprios especialistas que participaram da expedição. A equipe ainda analisará mais detalhadamente o material coletado e divulgará o resultado final da expedição em 2020.

Publicado em Ciência